Firmeza

Eu queria apagar da existência, acho que morri e esse deve ser o inferno, onde tenho que levantar da cama nesse frio e trabalhar, como se não bastasse ainda tenho que suportar ouvir pessoas falando, as vezes o galo canta e eu penso que me chamou, porque ele canta "acordou!" e eu me chamo Regina, deve ser por que eu acordei para esse inferno que é minha vida, odeio tudo, ainda bem que é passageiro, mas estou sozinha, sou individualista mesmo e não estou aqui para agradar ninguém, quero que todas as pessoas a minha volta desapareçam, menos o Ricardo, ele pode ficar pra esquentá meus pés.
Estou a procura de um veneno eficiente, que tal chumbinho mesmo? Porque da outra vez que eu tomei veneno não tive nem dor de barriga, não aconteceu nada, agora tenho que viver pra pagar conta, enche a barriga e cagar, tédio,tédio,tédio,tédio,tédio,tédio com fedor do cocô da Mimi, ela é uma companheira que num ve a hora que eu chego e fica juntinho de mim esquentando do frio maldito.
Fiquei uns dias sem tomar Setralina e não senti diferença nenhuma, minha digitação é deficiente, quero morrer,quero morrer, aaaaaaaaaaai que ódio, porque num me dá um cancer de cérebro?

Postagens mais visitadas deste blog

Bora mais um dia

uma postagem no blog