Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2012

Conversando com "Chuva"

Imagem
"Chuva" é o nome da minha bruxinha interior, ela veio depois do meu ultimo desencaixe do meu corpo, "Chuva" substitui o "Irado" que não estava me fazendo bem, eu o queimei para que ela pudesse renascer de suas cinzas, agora tenho para quem olhar interiormente na forma feminina, meu mentor onírico "Lungui", gostou da idéia, juntos cuidam de um tigre a beira de um lago e o que eles fazem se não, observar o tigre e mantê-lo a salvo dos perigos.Hoje amanheceu nublado "Chuva"!
-Olá Regina, esperava que essa introdução sobre mim nunca terminasse...
-Olá Chuva, lá fora você parou, porquê?
-Aqui está sempre chovendo no astral interior sabia?
-Interessante, vejo você de manto negro com capuz aberto e por dentro uma chuva incessante.
-E como é isso para você minha amiga?
-É como um bálsamo, adoro essa visão, adoro quando chove lá fora e quando chove em você, dentro de mim.
-Bansai alquímico!
-O que é isso?
-Não sei a tradução, mas é como sincronicidade p…

Queridos leitores

Eu estou hoje mais amadurecida e com confiança em mim, no invisível e tudo mais, estou fazendo um curso de inglês para destrair os tico e os teco da minha mente, inclusive me sinto mais limpa de mente e menos anciosa, as vezes ainda dá impressão que minha cabeça vai começar a doer novamente, fiquei muito assustada com a última convulsão que eu tive, achei que era um problema do coração e ninguém me explicou porque eu tive isso, pois é, minha retrospectiva desse ano foi como eu diria...estimulante e terrívelmente motivador.
Primeiro, porque saí do Caps, perdi contato com algumas amigas, parei de mestruar, acho que estou na menopausa precoce, tomei veneno em julho, não morri lógico, arrumei um emprego que por conta disso ou do esforço físico quase acabei com a minha mão, tive outra recaida da crise bipolar, me demiti do serviço, estou fazendo curso de inglês, acho bom que chegue natal logo para eu fazer gororoba pra comer, acho que vou fazer carne assada e de sobremesa mousse de maracujá…

Descobri meus segredos.

Imagem
A long time ago, I find my Pandora box, hehehehe, como diria eu mesma pra mim mesma estou bem melhor dia por dia, mais rica, mais sensível, juizada e treinada, sou uma pessoa que tem tesão pela vida, cheia de sonhos e ambições, é sempre bom recomeçar, é sempre bom erguer a cabeça depois de um tombo, que é a desilusão ou a perda da ilusão.

Cheia de vida

Eu to com vontade de viver, tem um fogo em mim que arde sem eu ver, deve ser amor,heheh, porque outro dia eu tava pensando que era problema do coracebo e eu tava era com angústia, assim disse o médico, as vez eu não sei ler o que diz meu coracebo ele fala inglês e aparece fazendo bochechinha pra mim, tão meiguinho meu coração,puf puf puf to apaixonada por mim.

O que tenho feito.

Bom, tive um outro surto o terceiro da minha vida, tentei romantizá-lo como fiz da primeira vez, mas não teve graça, tentei sentir prazer com as vozes in my head, mas não adiantou, me demiti da Lyncra por motivos óbvios, lá não estava dando certo, apesar de que eles gostavam do meu trabalho e sentiram muito pela minha decisão.
Acontece que a distância estava me atrapalhando toda com o meu tratamento, a psicóloga fala que eu parei porque quiz, que eu parei o tratamento, mas eu concordo em parte...bom chega de teimosia.
Nesses três meses que eu fiquei ótima, como estou agora, eu trabalhei no teatro municipal e no departamento de merenda escolar da prefeitura e em parte foi bom, porque não seria, conheci pessoas diferentes e o teatro municipal pelos bastidores, o setor de merenda escolar da prefeitura também, mas eu estava me desgastando,pelo menos acho que sim, tem vários fatores,blábláblá.
Depois que eu melhorei eu fui no Caps rever o pessoal e fui no Ibirapuera, andei bastante nesse dia,…

Pelos olhos de Lungui

Lungui é energia e é Deus, nós combinamos de não tratá-lo assim pois isso me lembra o lado sombrio do ego, não sei porque, nem me pergunte, chamar um amigo de deus é como trocar seu nome, pois é cada um chama do que quizer e eu o chamo assim.
Lungui sempre me diz que tudo depende da interpretação que você tem da coisa,por isso o ser humano tem várias linguas e vários heróis, vários deuses do consciente coletivo, coisa e tal.
Eu estou resolvida no meu jeito de ser e estou convencida de que a verdadeira transformação vem de dentro, dependo muito mais da minha ajuda do que de qualquer outra coisa, pois o" invisível "só  trabalha atravéz de mim.
Quando digo nós quero dizer ele e eu e nesse momento somos "um",blá,blá,blá...quero saber se o futuro me reserva alguma coisa, blá,blá,blá quero saber o que eu fiz ou deixei de fazer no passado, minha mente é  cabulosa como a de qualquer exentrico, sei que terapia não vai ajudar a resolver, só mesmo para colocar para fora um pouco…

Soberania

Tenho andado mais comigo ultimamente, descobri que não sei fazer mais poesia,mas que ainda vejo beleza pra algumas estrofes e feiura pra alegoria...


Pois é, percebo mais como a sincronicidade tem um espaço importante nas coisas que eu faço e em mim, sou bela sou rainha e tomo posse de mim.


Não sei mais o que dizer pois palavras tomam formas quando a gente tem atitude e nesse momento todas elas se misturaram no meu caldeirão e que se faça a magia da palavra que tem cor e sabor. Soberania sim eu posso dar importância ao que sinto em primeiro lugar.