O vazio

Existe uma confusão solta pelo ar que assola as pessoas desavisadas quanto ao uso da própria força,por exemplo o ar que respiramos, os nossos sensos são como canal para tudo que absorvemos,desde comida até informações de todo tipo, nossos sentidos captam no ar absolutamente tudo que tem a ver e muito lixo também, virus,bactérias,oxigênio,outros elementos e por ae vai.
Como se não bastasse tudo isso, tem a confusão que provoca o misterioso vazio,não estou falando só de vazio interior ou estômago vazio,mas sim o vazio da própria existência, tudo provocado pelo que absorvemos desde a infância, carregamos condicionamentos e continuamos a adquirir sistemas de defesa e ataque para nos proteger do vazio da não existência, para quem gosta de clareza estou falando da morte.
Ora para quem acredita que é eterno se pergunte :"para que instinto de sobrevivência então?"
Todos nós sabemos que vamos morrer um dia e isso nos faz refletir sobre a vida de qualquer forma,mesmo que você esteja apenas disposto a fugir dos problemas e dar um basta, o que vem em primeiro lugar é o instinto de sobrevivência, depois pedir socorro se for o caso bem lá no fundo e por último ver seu problema resolvido, só que não vai ver nada porque não existe um depois, ja li em muitos livros que é o ego que teme a morte,o ego precisa ser superado coisa e tal, pois bem eu vou dizer aqui, tudo faz parte de mim, meu ego sou eu,minha identidade aqui nessa terra, o que vem de fora é devolvido pelo sistema de integridade como doença, ou seja é transformado em lixo, infelismente na nossa constituição fisica e mental, não há nada que permita colocar o lixo todo pra fora num só dia se ele já está estalado no corpo e no que sobrou da alma e para quem entende ou não está entendendo estou falando de metafísica, tudo que vem além da fisica,ou seja blá,blá,blá que a auto ajuda explica mas é difícil de conceber por aqueles que concordam com tudo que leem e mais fácil por aqueles como eu que le sempre se perguntando porque isso é assim e aquilo é assado.
Pois bem concluindo,não recomendo nenhum livro para ler, antes de saber que existe o vazio, ele está lá e não adianta bancar o otimista, aliás os positivos sempre morrem primeiro, gostaria de ser positiva para morrer logo e acabar com tudo isso, a vida é muito mais complicada do que eu imaginava quando pensava positivo, só que agora meus sensos não estão voltados nem para um lado,nem para o outro,eu estou alerta,mas não posso dizer que isso é ruim,preciso desse estado para não me deixar corromper pelo vazio e tudo isso causa uma grande confusão na mente, hoje amanheci melhor chega de me sabotar.

Postagens mais visitadas deste blog

Bora mais um dia

Meu sonho dessa noite